© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

© ALL RIGHTS RESERVED Todas as fotografias contidas neste blog estão protegidas por lei, pelo que é expressamente proibida qualquer cópia, utilização, modificação, venda, publicação, distribuição ou qualquer outro uso, total ou parcial, comercial ou não comercial, das mesmas. Exceptuam-se os usos livres contemplados na lei, nomeadamente o direito de utilização, desde que inequivocamente identificada a origem e os casos que foram expressa e previamente autorizados. O autor deste blog reserva-se ao direito de proceder judicialmente contra os autores de qualquer infracção e declina qualquer responsabilidade derivada da eventual utilização não autorizada, por terceiros.

2008 - 2017 © O MEU OLHAR- FOTOGRAFIA






27 de junho de 2012

A rapariga do chapéu.

9 comentários:

  1. Respostas
    1. Amigo João
      Não é flou... é tremido mesmo!
      Houve um Sr. Anónimo que descobriu isso...nos não conseguimos ver tal coisa!
      Ele(O Sr. Anónimo) demonstrou-o num comentário abaixo.
      Obrigado por mais uma visita e po mais um comentário.
      Um grande abraço.

      Eliminar
  2. Muito boa.
    Parabens Jorge.

    Abcs

    http://arframeaframe.blogspot.com/2012/06/andando-pelo-centro-de-sp.html

    ResponderEliminar
  3. É um chapéu de diva.
    :-)

    Um momento fugaz bem retratado.

    ResponderEliminar
  4. eu acho que a fotografia saiu tremida e vai daí iventam esse nome de flou..vai lá vai,esta foto devia estar perfeita sendo uma fotografia ,mas agora inventa-se tudo para uma foto menos boa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sr. Anónimo.
      Desde já agradeço o seu comentário que considero correta e brilhantemente redigido...vejo que é bom a português…
      Vejo também que é um “expert” em fotografia… e tem razão quando diz que a foto está tremida… e que não é flou… Parabéns por lá ter chegado !
      Tal como muitas outras que tenho feito, esta fotografia foi fruto de uma exposição mais longa num local com pouca luz e com uma determinada objectiva. O meu objectivo é ver o resultado do uso de uma objectiva em locais diferente, com luzes diferentes e com o mesmo tempo de exposição, quando se fotografa algo em movimento. O tripé e o flash estão proibidos.
      Como é um “expert “ até lhe posso fornecer os dados da imagem:
      F-stop: f5
      Tempo de exposição: 1/30 seg
      ISO: 200
      Distância focal: 96mm (objectiva Canon 55-250mm)
      A rapariga descia uma escada quando a fotografei, a escada do Cinema Batalha durante uma feira que lá houve e eu estava no meio da multidão.
      Agora pode tirar as suas conclusões… se for capaz!
      Tenho pena que não se tenha identificado, mas mesmo assim é bem-vindo ao meu espaço!
      Mas lamento que o tenha usado para criticar, de forma como fez, não só o meu trabalho, mas também o comentário de João Menéres.
      Lembro que as pessoas são livres de fazer o género de fotografia que querem e bem entendem e acima de tudo de fazer a fotografia que gostam… nem sempre gosto do certinho direitinho.
      O João Menéres fez um comentário honesto e sem rodeios, tal como muito outros… é homem que quando gosta, gosta, quando não gosta, diz logo na hora!
      O João Menéres não é cretino nem escreve sob anonimato!
      Sr. Anónimo, respeite os outros! E dê a cara!

      Eliminar
  5. JORGE

    O flou é feito com a camera em movimento ( mobi- ling ) e usando uma relativa baixa velocidade ou,então, com a camera fixa num tripé e usando uma velocidade muito mais baixa. Eu utilizo as duas alternativas.
    E, pela sua completa descrição, concluo que as suas mãos não firmaram a camera ( logo ela movimentou-se ), sobretudo com a focal utilizada.

    Um abraço muito grato por ter conseguido este óptimo resultado !

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...